sexta-feira, 14 de outubro de 2011

Mais uma sobre cristianismo e ciência

Você já pararam para pensar sobre qual é hoje em dia o principal pilar que sustenta as acusações neo-ateístas? Acho que devemos concordar que na biologia evolucionista e sua proposta naturalista de origem da vida encontram-se os principais anti-religiosos atualmente, sendo Richard Dawkins ou exemplo mais cliché de todos.


Estava pensando sobre isso ultimamente, sobre Charles Darwin, é claro que ele foi um cientista que contribuiu com o nosso conhecimento, mais alguns outros cientistas, particularmente os ateus, o colocam numa posição tão central e "libertadora" para a ciência, acho que mais um pouco mais alta do que deveria estar. Charles Darwin deveria ser considerado um dos melhores cientistas de todos os tempos? Ou por que [na verdade] ele é considerado assim, ao meu ver? Saberemos adiante.

Um parêntese interessante a ser considerado é que Darwin cometeu vários erros em suas teorias, mas isso não é muito divulgado, afinal iria acabar com a reputação que os biólogos evolucionistas neo-ateus querem que ele tenha. Para mais informações, veja aqui (em inglês) ou aqui (página traduzida).

O jornalista britânico Chris Mooney ao escrever o artigo "Why we celebrate Darwin?" (Por que nós celebramos Darwin), chega a afirmar que "A Origem das Espécies" é "um dos livros mais brilhantes já escritos". Esse artigo foi escrito em 2009, quando se celebravam 200 anos desde o nascimento do cientista, e 150 anos de sua teoria. Mooney prossegue levantando uma questão, que responde em seguida:
 
"Porque é que será que isto acontece? Existirá algum outro cientista que nós celebremos assim tanto? E será apenas devido a mais famosa teoria de Darwin ou será algo mais?"

"Eu acho que Darwin significa muito (mas muito!) mais do que a ciência por si só pode transmitir. Ele epitomiza algo mais e eu quero arriscar que é o seguinte: uma visão secular…..Darwin não é apenas alguém era brilhante; ele é uma forma de vida."

Está aí onde eu queria chegar. Darwin não é considerado um dos maiores cientistas de todos os tempos pelos ateus apenas por suas contribuições cientpificas, mas devido ao impulso em direção ao secularismo da ciência que a sua teoria gerou. E isso passava longe da intenção de Darwin no início. Ele se tornou ateu (ou agnóstico, não sei ao certo) apenas no final de sua vida, graças a uma frustração pela morte de sua filha. Mesmo assim, Darwin representa hoje não ciência, mas um estilo de vida (o secularismo).

Podemos listar alguns cientistas que foram tão ou mais importantes do que Charles Darwin, para o conhecimento e progresso da humanidade? Com certeza, e eu vou listar alguns. Mas por que será que eles são tão pouco citados, particularmente pelos ateus?


Na física, podemos citar Isaac Newton, James Clerk Maxwell, Max Planck e Albert Einstein; Robert Boyle, Antoine Lavoisier e Willard Gibbs na química; na biologia, Carolus Linnaeus, Georges Cuvier e Gregor Mendel. De fato, a ciência e a tecnologia atuais não existiriam se não fossem eles. Saindo um pouco do escopo, também consideraria o nome de René Descartes, Roger Bacon e Immanuel Kant pelas suas sólidas bases construídas na filosofia da ciência.

Se fosse considerar algum livro importante para a história da ciência, não poderia deixar de citar "Principia Mathematica Philosophiae Naturalis" (1687), de Isaac Newton, ou mesmo o "Opticks" (1704) do mesmo autor; quem sabe "The Sceptical Chymist" (1661) de Robert Boyle, ou " Traité élémentaire de chimie" (1789) de Antoine Lavoisier (eu tenho esse livro, hehe), ou "Systema Naturae" (1735), de Linnaeus ou "Discourse on the Method" (1635), de René Descartes. Todos estes revolucionaram a ciência de seus tempos e muitas das ideias presentes nestes livros, publicados entre 374 e 222 anos atrás, são usadas até hoje.


Sabem uma coisa interessante sobre estes cientistas? Todos eles (com a exceção de Albert Einstein) ERAM CRISTÃOS! Já tinha escrito sobre o assunto aqui. Sobre Albert Einstein, escrevi aqui.

Concluindo, Darwin não teria sido importante por sua contribuição científica, mas principalmente por oferecer aos ateus uma plataforma pseudo-científica para suportar o ateísmo. É interessante ver por exemplo a iniciativa da Associação Humanista Americana ao tentar criar um "dia internacional" de Darwin, ou outra organização tentando promover o "Dia de Darwin" como alternativa secular ao natal. Fatos ocorridos poucos anos atrás.

Também é interessante notar essa aparente esperança do neo-ateísmo de acabar de uma vez por todas com a crença em Deus com a comprovação do evolucionismo. Isso é engraçado porque se a evolução é verdadeira, isso não implica em nada sobre a existência de Deus.

Fiquem atentos ao meu próximo post, falarei mais sobre esse assunto em especial.

Abraços, Paz de Cristo.

Um comentário :

  1. Verdade, concordo contigo!
    Muitos cientistas, professores e estudantes se orgulham por serem ateus. Sem razão, puro orgulho e vaidade! Atacam a religião e se gabam por engatinharem com descobertas evolucionistas irrelevantes! Como o amigo disse, se fosse provado, mesmo assim não há razão para atacarem a crença em Deus! Lembrando que não passa de uma teoria, então é necessario ter mais fé para crer em evolução entre os cientistas, do que para crer em Deus no meio religioso!! Os sinais evolutivos. Onde estão? Só vasculham o passado, mas e o futuro e o presente? Porque não continuamos evoluindo? Estagnamos na estapa Homo Sapiens? Porque não vemos outros primatas começarem um processo evolutivo também? Desde que a humanidade registra informações e memoria um chipanzé sempre foi um chipanzé e se somos ancentrais em comum é nos primatas de hoje que obteremos a resposta para calar a evolução!

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...